sábado, 9 de março de 2013

Jimmy

Quem quiser estou recomendo a escutarem Halestorn - Better Sorry Than Safe ou Avenged Sevenfold - So Far Away ou qualquer outra que preferirem...

Meu amigo, lamento pela fatalidade. É até meio difícil de escrever essa carta, tendo que expressar tudo o que estou sentindo nesse momento. Mas você sabe que nunca fui boa nesse requisito.
Infelizmente não podemos adivinhar o futuro e eu não posso mudar o que acontecer.
Eu me lembro das noites de verão quando deitávamos sobre a grama do jardim e tudo que enxergávamos naquela escuridão eram as estrelas que olhávamos no céu. Costumávamos imaginar cada coisa. Riamos e desabafávamos um com outro. Sonhávamos e planejávamos o futuro.
Agora o jardim parece tão deserto e sóbrio, mesmo com todas as luzes iluminando. E olhar pela janela, eu vejo como aquele lugar está completamente vazio. Tudo aquilo parecia um sonho. Sinto falta daquela época.
Lembro que você me ligava todas as noites perguntando sobre o meu dia e não importava se fosse insignificante como o outro dia. Você gostava de saber, mesmo que o assunto fosse a nota vermelha da minha prova de matemática.
Agora eu espero assentada no sofá da sala esperando o celular tocar, mas eu sei que isso não vai acontecer.
Eu adorava quando passávamos nossas tarde de domingo assentados debaixo daquela árvore. Você pousava sua cabeça em meu colo e fechava os olhos. Não se preocupava ou não temia nada, estava tão perto e ao mesmo tempo parecia tão distante. Parecia confuso e casando.
Agora passo meus domingos trancada em meu quarto tentando ocupar minha mente com qualquer coisa possível.
E como não se lembrar das nossas brigas? Eu era a errada, mas você era o primeiro a pedir desculpa. Mas quer saber? Você também tinha culpa nisso. Dizia que não ia ficar por muito tempo e isso me irritava.
Você estava ali nas horas em que eu mais precisava. Costumava abraçar-me quando eu estava quase a gritar. Eu chorava enquanto escondia minha cabeça em seus braços.
E dessa vez eu tento reprimir meus gritos e choros nessa cama.
Dói saber que quando eu acordar no meio da madrugada não terei ninguém para conversar ou a quem desabafar quando meu dia for difícil.
Éramos só bons amigos...
E magoa só de imaginar que não tive tempo de tirar todas as suas dores. Desculpa. Eu estava tão perto de compreender um dos seus maiores enigmas.
Ainda não me acostumei de que nunca mais verei esses seus lindos olhos azuis brilhando, esse sorriso que me animava todas as manhas, a voz que me dava conselhos e o cara que sabia aproveitar cada momento da vida.
E mesmo sabendo que você não vai chegar a ler essa carta, quero que a coloque ao seu lado antes de partir.
Por que eu sei que não receberem mais beijos de boa noite.
Adeus meu amigo...

Com todo amor: Luna
1981 - 2009 

Obs: Esse texto faz parte do 30 Day Writing Challenge criado pela Dasty do blog Spleen Juice. O texto corresponde ao dia 10 - Escreva uma carta.

Não sei como posso explicar de como surgiu à idéia. Eu simplesmente acordei, coloquei uma música para ouvir (coisa que costumo fazer antes de sair da cama haha) e quando fui perceber já estava escrevendo em um caderno. Só é certo afirmar que acabei me inspirando em James Sullivan, conhecido como Jimmy e The Rev. Ele foi baterista do Avenged Sevenfold e que acabou morrendo em 2009.
Como eu já devo ter dito aqui ou não... Não sou exatamente fã da banda, apenas tenho uma grande admiração por eles.
Já havia escrito esse texto e não ia postá-lo agora, eu iria começar com outro. Entretanto, devido aos acontecimentos da semana - a morte do vocalista Charlie Brown Jr, Chorão - resolvi começar com esse texto.

E é isso, devo ter dito tudo.


6 comentários:

  1. Achei lindooo o seu primeito texto ♥ Simplesmente adorei a carta. Conheço um pouco da história do The Rev porque tenho um primo que gosta da banda e ele me contou sobre o acontecido.

    ResponderExcluir
  2. Ai que lindo o primeiro texto do desafio *-* Achei linda a carta,por um momento achei que se tratasse se algum amigo intímo seu,até ler até o final rs
    vestindo-ideias.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. Muito bem escrito e lindo. Sou meio suspeita a dizer já que adoro textos assim (percebe-se pelo meu blog), mas eu adoro repetir coisas, e por isso vou dizer que adorei. Adorei e adorei.
    ^^
    Achei muito fofa a sua ideia de postar essa carta que agora faz homenagem a dois caras incríveis.
    Esse desafio parece ser bem divertido ^^
    Kissu

    ResponderExcluir
  4. Tanto a morte do Jimmy quanto o do Chorão impactaram a vida de muita gente e também do mundo da música... :S

    Lindo, lindo, lindo!

    Baci!

     C.F.H.

    Curta aqui!

    ResponderExcluir
  5. O primeiro texto ficou lindo demais, você escreve mega bem, quem me dera esse talento, mas realmente me tocou hehe. Enfim, perfeito *-*

    Sweet Teen

    ResponderExcluir
  6. Foi muito bem escrito, gostei demais! Tem mortes que dão bastante impacto mesmo..

    shelikesrockn-roll.blogspot.com.br

    ResponderExcluir